Rio de Janeiro Melhores Atrações

 

1
Pro Arte - Seminários de Música
Rua Alice, 462  - Laranjeiras
Rio de Janeiro, RJ  
Laranjeiras,
Zona Sul 0;
http://www.proarte.org.br/
Em 1931 Theodoro Heuberger, cidadão brasileiro, nascido em Munich, ligado à Escola do Bauhaus, que representava então as tendências mais modernas da arte européia, Frei Pedro Sinzig, O.F.M., notável musicólogo e compositor, e Maria Amélia de Rezende Martins, pianista e camerista, fundaram a Pro Arte Sociedade de Artes, Letras e Ciências. Nos Salões da Pro Arte, realizaram-se, naquele tempo, exposições, conferências e concertos.<br> Os Seminários de Música Pro Arte do Rio de Janeiro criados em 1957 por um grupo de músicos e professores liderados por H.J. Koellreuter, que tinham como <strong>objetivo criar um tipo novo de Escola de Música, que se opusesse ao padrão, então vigente de ensino acadêmico.</strong>
2
Cidade das Crianças Leonel Brizola
Rodovia Rio-Santos km.1  - Santa Cruz
Rio de Janeiro, RJ  
Santa Cruz,
Zona Oeste 1;
http://www2.rio.rj.gov.br/smel/CidadeDasCriancas.html
A Cidade das Crianças Leonel Brizola é um dos maiores parques públicos de lazer da América Latina, ocupando uma área de 186 mil m2 (equivalente a 20 campos de futebol com as dimensões do Maracanã), em Santa Cruz, região oeste da cidade. <br>
3
Boulevard Olímpico Zona Portuária
Praça Mauá  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20081-240
2008* CEP Centro,
Centro 2;
http://www.boulevard-olimpico.com/
O Boulevard Olímpico é o maior live site da história dos Jogos Olímpicos. Localizado na Zona Portuária e no Parque de Madureira, se transformou na principal área de lazer dos cariocas e turistas fora dos locais de competição. No trecho da orla marítima entre a Gamboa e a Praça XV, que foi revitalizado pelo projeto Porto Maravilha, o público pode assistir às principais provas dos Jogos Olímpicas e Paraolímpicos em telões de alta definição, localizados em palcos com programação diária de shows, além de apresentações de artistas de rua e outras intervenções culturais. A principal atração no local, na Candelária, é a exposição da pira olímpica, que pela primeira vez nos Jogos teve a chama acesa e m área pública.
4
Parque Estadual da Pedra Branca
Estrada do Pau Fome, 4003  - Taquara
Rio de Janeiro, RJ  
Taquara,
Zona Oeste 3;
http://www.parquepedrabranca.com
Quem pensa que a Floresta da Tijuca é a maior floresta urbana do mundo, pode estar enganado. Localizado na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, considerado um dos maiores parques urbanos do mundo e a maior floresta urbana do país, ocupando cerca de 10% da área total do município do Rio de Janeiro, o Parque Estadual da Pedra Branca possui cerca de 12.500 hectares de área coberta por vegetação típica da Mata Atlântica, como cedros, jacarandás, jequitibás e ipês, além de uma variada fauna, composta por jaguatiricas, preguiças-de-coleira, tamanduás-mirins, pacas, tatus e cotias. <br> O maciço circunda os bairros de Guaratiba a oeste, Bangu e Realengo ao norte, Jacarepaguá a leste, Barra da Tijuca a sudoeste e ao sul, Recreio dos Bandeirantes e Grumari ao sul e Campo Grande a noroeste e compreende o conjunto das seguintes serras: Valqueire, Viegas, Bangu, Barata, Lameirão, Engenho Velho, Rio Pequeno, Taquara, Pedra Branca, Quilombo, Santa Bárbara, Rio da Prata, Nogueira, Alto do Peri, Sacarrão, Geral de Guaratiba, Carapiá, Cabuçu e Grumari. Separa-se do Maciço de Gericinó pela Baixada Bangu - Realengo e do Maciço da Tijuca pela baixada de Jacarepaguá.
5
Liceu Literário Português
Rua Senador Dantas, 118  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20031-205
2003* CEP Centro,
Centro 4;
http://www.liceuliterario.org.br/
O Liceu Literário Português fundado em 10 de setembro de 1868, Instituição Filantrópica de Ensino Gratuito, adquiriu um terreno no Largo da Carioca onde em 1929 edificou sua sede - Rua Senador Dantas nº 118 – Centro, um arranha-céu em estilo gótico manuelino, decorado internamente com silhares de azulejos historiados e lindos vitrais, prédio projetado pelo arquiteto Raul Penna Firme. O Liceu Literário Português – honra e orgulho dos portugueses no Brasil – é um dos melhores estabelecimentos de ensino entre os congêneres neste país. Representa o esforço, a dedicação e o trabalho de abnegados portugueses beneméritos, em prol da instrução do povo. Ali, naquela casa, não há seleção para a matrícula; a quem bate às suas portas não se pergunta que idade tem, qual a cor, onde nasceu, nem se tem fortuna. Uma única coisa se indaga: que quer aprender
6
Arte de Portas Abertas
Rua Monte Alegre, 277  - Santa Teresa
Rio de Janeiro, RJ  
Santa Teresa,
Zona Sul 5;
http://www.artedeportasabertas.com.br/
O projeto Arte de Portas Abertas é um movimento associativo dos artistas do bairro carioca de Santa Teresa, que abre ao público de forma sincronizada das portas dos seus ateliês, que acontece desde 1996 no bairro. O evento acabou por renovar culturalmente o bairro de Santa Teresa. Uma política cultural independente passou a se formar desde então, através de projetos coordenados pelos próprios artistas. &#8232;&#8232;Estas intervenções incluem todas as artes visuais, desde a pintura, à escultura, à fotografia, ao vídeo, à música e a escrita.
7
Zoológico e Quinta da Boa Vista
Quinta da Boa Vista  - São Cristóvão
Rio de Janeiro, RJ  
São Cristovão,
Zona Norte 6;
 
http://www.rio.rj.gov.br/web/riozoo/conheca-a-rio-zoo
Com uma área de 138 mil metros quadrados, mais de 2.100 animais entre répteis, mamíferos e aves e cerca de 400 espécies, o zoológico do Rio é o mais antigo do Brasil. Possui o maior plantel de primatas brasileiros, a maior coleção de aves expostas do país e, no setor de fauna, reproduzem-se espécies raras e ameaçadas de extinção como o urubu rei, a ararajuba e o mico leão dourado.
8
Centro de Artes Hélio Oiticica
Rua Luís de Camões, 68  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20030-021
2003* CEP Centro,
Centro 7;
http://www.rio.rj.gov.br/culturas/arte_helio.shtm
Helio Oiticica (1937-1980) foi um dos mais criativos artistas plásticos brasileiros. A síntese de sua obra são seus belos "Parangolés" (1964): capas, estandartes ou bandeiras coloridas de algodão ou náilon com poemas em tinta sobre o tecido a serem vestidas ou carregadas pelo ator/espectador, que passa a perceber seu corpo transformado em dança. Quase uma poesia, pois a obra de arte só se revela quando alguém a manuseia, a movimenta.
9
Bosque da Barra
Av. das Américas, 6000  - Barra da Tijuca
Rio de Janeiro, RJ  
Barra da Tijuca,
Zona Oeste 8;
http://www.rio.rj.gov.br/bairrosdorio/bairro_barratijuca.shtm
O Bosque da Barra ou Parque Arruda Câmara, localizado no quilômetro 6 da Avenida das Américas com 50 hectares ocupados com vegetação típica de praia é refúgio natural de pássaros e animais. Com área equivalente a 50 campos de futebol, constitui uma das áreas verdes mais visitadas da região, propiciando um delicioso passeio. <br> O parque possui amplos gramados, equipamentos para a prática esportiva como campos de futebol e quadras de vôlei, payground para a criançada, pista em terra batida com extensão de 3.000 metros para caminhada e trilhas na mata para a prática de mountain bike. <br> Funciona de terça a domingo de 07hs. as 18hs.
10
Instituto Moreira Salles
Rua Marquês de São Vicente, 476  - Gávea
Rio de Janeiro, RJ   22451-040
Gávea,
Zona Sul 9;
http://www.ims.com.br
Localizado na Gávea, bairro da zona sul carioca, o Instituto Moreira Salles (IMS-Rio de Janeiro), é o maior dos centros culturais da instituição. O conjunto edificado soma 3.000 m2, implantados numa área de 10.500 m2, com jardins abertos ao público, abriga salas de exposição, sala de aula, biblioteca, auditório, cafeteria, loja de arte, ateliê e dependências para hóspedes. <br> Além dos centros culturais, o Instituto Moreira Salles coordena também as atividades dos Espaços Unibanco de Cinema /Unibanco Arteplex (www.cinemaunibanco.com.br), uma rede de salas de exibição localizadas no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Fortaleza, Salvador, Santos e Curitiba – pautada pela alta qualidade de serviço e programação.<br> Considerados em conjunto, Instituto Moreira Salles e Espaços Unibanco de Cinema/Unibanco Arteplex constituem o maior complexo privado dedicado à cultura e às artes no Brasil.
11
Playgym Natureza
Rua Jardim Botânico, 421  - Jardim Botânico
Rio de Janeiro, RJ  
Jardim Botânico,
Zona Sul 10;
http://www.playgym.com.br/
Ocupando área de 400 m², a Playgym Natureza é uma unidade da escola Playgym Educação e está localizada nos jardins do clube Sociedade Hípica Brasileira, no bairro Jardim Botânico. Contato estreito com elementos da natureza com participação de diversas atividades voltadas para o desenvolvimento infantil. Brincadeiras envolvendo animais, barro vermelho, tintas, água, riacho, exploração da natureza, proporcionando momentos que, com certeza, ficarão gravados para toda a vida. Diversão com aprendizado. O Espaço foi pensado para o amadurecimento emocional e a desenvoltura em comunicação no universo infantil.
12
Fiocruz Fundação Oswaldo Cruz
Av. Brasil, 4365  - Manguinhos
Rio de Janeiro, RJ   21045-900
Manguinhos,
Zona Norte 11;
     
http://www.fiocruz.br/
A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) é a mais destacada instituição de ciência e tecnologia em saúde da América Latina, destinada a promover a saúde e o desenvolvimento social, gerar e difundir conhecimento científico e tecnológico. Tem como missão produzir, disseminar e compartilhar conhecimentos e tecnologias voltados para o fortalecimento e a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS) e para a promoção da saúde e da qualidade de vida da população brasileira. Fundada há 115 anos e hoje vinculada ao Ministério da Saúde, a Fiocruz está localizada em um campus de 800.000 m2 no bairro de Manguinhos, Zona Norte do Rio de Janeiro.
13
Kartódromo Premium
Av. Ayrton Senna, 3010  - Barra da Tijuca
Rio de Janeiro, RJ  
Barra da Tijuca,
Zona Oeste 12;
http://www.kartodromopremium.com.br/
Uma organização de esporte e lazer onde se pode desfrutar de inúmeras atividades ligadas ao kart. Os organizadores oferecem desde escola de pilotagem para crianças obedecidadas, naturalmente, regras de segurança que o esporte requer, até preparação de jovens e adultos para competições regionais. Infraestrutura completa do local incluindo festas, churrascos, confraternizações e outros eventos.
14
Parque Ecológico Chico Mendes
Av. Jarbas de Carvalho, 679  - Recreio dos Bandeirantes
Rio de Janeiro, RJ   21 2437-6400
Recreio dos Bandeirantes,
Zona Oeste 13;
 
http://www.rio.rj.gov.br/smac/mostra_noticia.php?not=NOT&codnot=280
O Parque Natural Municipal Chico Mendes está localizado em área de restinga, na Baixada de Jacarepaguá, um local que guarda espécies de fauna e flora consideradas raras e ameaçadas de extinção.Entre os animais presentes no parque, estão jacarés-de-papo-amarelo e jabutis. O visitante tem uma área de 43 hectares (430.000m²) de verde e a criançada pode se divertir no parquinho, com diversos brinquedos como escorrega e balanço, além de bancos de madeira e trilhas com visitas guiadas. Horário de visita: 8h 30 às 17h30, acesso gratuito.
15
Centro de Artes Calouste Gulbenkian
Rua Benedito Hipólito, 125  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20211-130
2021* CEP Centro,
Centro 14;
http://www.pcrj.rj.gov.br/calouste/
O Centro de Artes Calouste Gulbenkian foi criado em 11 de março de 1971 e recebeu este nome em homenagem à instituição cultural portuguesa sediada em Lisboa, a Fundação Calouste Gulbenkian. A origem do Centro Calouste Gulbenkian, que está instalado na Praça Onze, está ligada à necessidade de formar professores de artesanato para atender às escolas públicas do Estado do Rio. Os cursos de Artes oferecidos no Centro de Artes Calouste Gulbenkian traduzem uma proposta artístico-educacional diversificada e plural, dentro de uma prática atualizada e dinâmica, onde múltiplas linguagens artísticas se integram - do artesanato à pesquisa com novos matérias. Esses cursos são direcionados a quem busca a iniciação ou o aperfeiçoamento através da arte, tanto como linguagem expressiva como para a criação de objetos utilitários. Através de aulas práticas em salas-oficinas, adequadas a cada uma das modalidades artísticas, os professores procuram dar atendimento individualizado, buscando atender os diferentes objetivos de cada aluno.
16
Instituto Casa de Cultura Rio
Rua Visconde de Ouro Preto, 58  - Botafogo
Rio de Janeiro, RJ  
Botafogo,
Zona Sul 15;
http://www.casadeculturario.org.br/
O Instituto Casa de Cultura Rio (ICCRIO) foi fundado em 1988, sendo a escola pioneira do Método Suzuki de ensino musical no Rio de Janeiro. Ao longo destes anos, Suray Soren, diretora artística do Instituto, vem ensinando violino a crianças e adolescentes por este revolucionário método japonês. O ICCRIO oferece cursos de violino, cello, piano, baby class, musicalização, prática de orquestra e também mantém o projeto social "Com a Corda Toda",que beneficia hoje crianças e adolescentes de várias comunidades situadas no Rio e Grande Rio.
17
Igreja NªSª da Penha
Largo da Penha, 19  - Penha
Rio de Janeiro, RJ   21070-560
Outros bairros da Zona Norte,
Zona Norte 16;
http://www.santuariodapenhario.com.br/
O Santuário da Penha conta com uma grande infra-estrutura que vem sendo melhorada incansavelmente para acolher a todos os Romeiros que sempre comparecem em grande quantidade, principalmente na época de festa. O Santuário da Penha fica em uma enorme e belíssima área verde, com uma localização de fácil acesso, seja pela Linha Vermelha, Linha Amarela ou Avenida Brasil. Para atender os romeiros, o Santuário da Penha conta com a comodidade de bebedouros, lanchonete e diversos banheiros, além de outras diversas instalações. Para aqueles que não desejam subir ou descer os 382 degraus da escadaria principal, o acesso do pátio até a Igreja pode ser feito através de um novíssimo bondinho, com capacidade para transportar cerca de 500 pessoas por hora.
18
Centro Cultural Banco do Brasil
R. Primeiro de Março, 66  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20010
2022* CEP Centro,
Centro 17;
   
http://www.bb.com.br/cultura
O Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB) do Rio de Janeiro é um dos quatro CCBBs do país, que também existem nas capitais Brasília, São Paulo e Belo Horizonte. Os Centros são espaços multidisciplinares com programação regular (seis dias por semana), nas áreas de artes cênicas, cinema, exposição, ideias (palestras, debates, seminários etc), música e programa educativo. O CCBB oferece ao público uma programação cultural que é referência no Rio de Janeiro e no Brasil. Com projetos nas mais diversas áreas, o Centro tem um volume de freqüentadores comparável ao de outras grandes instituições culturais do mundo.<br> Nos vários campos da arte, a programação procura oferecer obras que vão do clássico ao experimental, do erudito ao popular, dos grandes mestres aos talentos iniciantes. Esses critérios de seleção permitem ao CCBB alcançar freqüentadores com os mais abrangentes níveis de interesse. Instalado no número 66 da Rua Primeiro de Março, o Centro Cultural Banco do Brasil é uma das jóias arquitetônicas da Cidade. Seus espaços, organizados e adornados com elementos neoclássicos, abrigam três teatros, sala de cinema, sala de vídeo, cinco salas de exposições, biblioteca com 140 mil títulos, museu e arquivo histórico, videoteca e salão para conferências e palestras. O freqüentador dispõe ainda de restaurante, casa de chá, bombonière e loja de produtos culturais.
19
Pólo Cultural Novo Rio Antigo
Rua do Lavradio  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20230-070
2023* CEP Centro,
Centro 18;
http://www.polonovorioantigo.com.br/
O Pólo Cultural Novo Rio Antigo é uma das áreas mais dinâmicas da cidade, com música e arte por todo lado, atraindo residentes e turistas do mundo inteiro. Em uma área que, alguns anos atrás, poderia ser chamada de decadente, ocorreu o maior fenômeno de renovação urbana do Rio de Janeiro. Jovens empresários da área de cultura e gastronomia mobilizaram-se, e encontraram apoio nos moradores e na administração pública. <br> Uma vez por mês, uma feira de antiguidades divide as calçadas com músicos e artistas performáticos. <br> Em nenhum outro lugar o Rio é tão carioca e democrático. Ao lado de monumentos históricos, como o antigo aqueduto do século 18, e dos velhos sobrados da antiga capital, encontre as casas noturnas mais procuradas da cidade: a programação varia do samba de raiz à música instrumental, passando pelo mais autêntico chorinho. À mesa, conheça o que existe de melhor em termos de gastronomia de botequim.
20
Parque das Ruínas
Rua Murtinho Nobre, 169  - Santa Tereza
Rio de Janeiro, RJ   20241-050
2024* CEP Centro,
Centro 19;
http://www.rio.rj.gov.br/riotur/pt/atracao/?CodAtr=1410
Um belíssimo mirante que deixa o Rio de Janeiro aos seus pés. De lá, tem-se uma visão extraordinária do centro da cidade e de toda a orla do Rio – desde o Aeroporto Santos Dumont até a Urca. Logo abaixo estão os Arcos da Lapa. Aberto ao público, o Parque foi o que restou do Palacete Murtinho Nobre, onde morou Laurinda Santos Lobo. A casa foi um dos pontos mais efervescentes da vida cultural carioca durante muitos anos, até a morte da anfitriã, em 1946. A Prefeitura fez renascer das ruínas a cultura que ali existiu. O parque abriga uma sala de exposições, auditório e cafeteria, garantindo conforto a shows musicais, happy hours e leitura de textos literários. Nas áreas ao ar livre se destacam concorridos shows e uma programação especial para as crianças nos finais de semana. Com três andares, a casa chama atenção também por sua arquitetura e estilo - tijolos aparentes combinados harmoniosamente com estruturas metálicas e de vidro.
21
Estádio do Maracanã
R. Professor Eurico Rabelo  - Maracanã
Rio de Janeiro, RJ  
Maracanã,
Zona Norte 20;
http://www.suderj.rj.gov.br/maracana.asp
Em 16 de junho de 1950, foi inaugurado o Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, para que o Brasil pudesse sediar a Copa do Mundo, já que a Europa encontrava-se abalada pela Segunda Guerra Mundial. Com grande incentivo do jornalista Mário Filho, que depois foi homenageado dando seu nome ao estádio, a obra finalmente pôde ser concretizada, contrariando a opinião pública e políticos, que defendiam a aplicação do dinheiro na construção de hospitais e escolas.<br> Os grandes jogadores da história do futebol brasileiro iniciaram e consagraram suas carreiras no estádio. A primeira vez que Pelé jogou pela seleção brasileira foi no Maracanã, em 1957. Em 1961, fez o primeiro “gol de placa” e, em 19 de novembro de 1969, marcou ali seu milésimo gol. O Botafogo ganhou seu primeiro título somente sete anos depois da inauguração do estádio, com uma das maiores exibições de Garrincha em todos os tempos. O maior artilheiro da história do Maracanã é Zico, com 333 gols em 435 partidas.
22
Centro Esportivo Miécimo da Silva
Rua Olinda Elis, 470  - Campo Grande
Rio de Janeiro, RJ  
Campo Grande,
Zona Oeste 21;
http://www2.rio.rj.gov.br/smel/VilasOlimpicas.html
Referência no município e um dos mais importantes do estado do Rio de Janeiro, tendo sediado diversas competições nacionais e internacionais, como a Copa do Mundo de Judô para Deficientes Visuais, em 2001; o Grand Prix de Atletismo, a Copa do Mundo de Natação e a Copa do Mundo de Ginástica, todos em 2004; e os Jogos Mundiais em cadeira de Rodas & Amputados, em setembro de 2005. <br> Ocupando uma área de 64 mil metros quadrados, o complexo tem capacidade para abrigar 3.835 espectadores no ginásio e 1.953 no estádio. <br> Entre outros destaques, possui um Ginásio Esportivo que leva o nome do grande jogador de basquetebol, Algodão, nascido em Campo Grande, e um dos maiores jogadores do esporte de todos os tempos no país, campeão mundial ao lado de outros grandes craques como Rosa Branca, Jatir e Wlamir Marques.
23
Barra Paintball Park
Rua Vilhena de Morais s/nº - Clube da Aeronáutica  - Bosque da Barra - Barra da Tijuca
Rio de Janeiro, RJ  
Barra da Tijuca,
Zona Oeste 22;
 
http://www.barrapaintball.com.br/
Localizado no Clube de Aeronáutica, na Barra da Tijuca. Desde 2003 vem sediando eventos para empresas, aniversários, campeonatos regionais e amadores, e jogos regulares de milhares de clientes. Dispomos de campo de jogo com mais de 1200 metros quadrados, material importado, recepção e área coberta para os clientes.
24
Sambódromo
Av. Marquês de Sapucaí s/nº  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20220-007
2022* CEP Centro,
Centro 23;
25
Centro Cultural Oduvaldo Vianna Filho
Praia do Flamengo, 158  - Flamengo
Rio de Janeiro, RJ  
Flamengo,
Zona Sul 24;
http://www.rio.rj.gov.br/culturas/culturais_castelinho.shtm
O Castelinho do Flamengo, também conhecido como Castelinho das Bruxas e Castelinho do Flamengo, patrimônio histórico tombado da cidade, construção residencial do Comendador Joaquim da Silva Cardoso e sua esposa Dona Carolina.Castelinho no início do Século XX, foi projetado em 1916 pelo arquiteto italiano Gino Copede e sua construção terminou em 1918. <br> O Centro Cultural municipal foi criado em 1992. O nome escolhido buscou homenagear o dramaturgo carioca Oduvaldo Vianna Filho, carinhosamente chamado pelos amigos de Vianinha, falecido precocemente em 1974. <br> A programação do espaço privilegia a palavra e inclui exposições de poesia visual, oficinas de literatura, filosofia e artes, cursos, debates, seminários e mostras especiais de filmes em vídeo. <br> O Castelinho disponibiliza ainda uma midiateca com cerca de 750 títulos em seu acervo e acesso gratuito à internet. Tem um auditório com capacidade para 40 lugares, 3 pequenas galerias para exposições e 3 salas para debates e oficinas.
26
Bondinho de Santa Teresa
Ao lado do Aqueduto da Carioca, na Rua Lélio Gama
Rio de Janeiro, RJ   20031-080
2003* CEP Centro,
Centro 25;
http://www.rio.rj.gov.br/riotur
O bonde sai do centro da cidade, passa sobre os Arcos da Lapa e segue a rota do tempo no sobe-e-desce das ladeiras de Santa Teresa. O ponto de partida é a estação no Largo da Carioca: a estação fica bem perto da sede da Petrobrás, na Rua Lélio Gama. O lugar tem um jardim encantador e revela um pouco do que se vai encontrar nesse passeio.
27
Rio Water Planet
Estrada dos Bandeirantes, 24.000  - Vargem Grande
Rio de Janeiro, RJ  
Vargem Grande e Pequena,
Zona Oeste 26;
   
http://www.riowaterplanet.com.br
Instalado em área de 400.000 m2, cercada por florestas e aos pés do Maciço da Pedra Branca, o parque que já é o maior do gênero na América Latina virou clube. Entre as 35 atrações do complexo aquático, que incluem a praia artificial, os toboáguas, o rio lento e uma vasta área infantil, merecem destaques, a corredeira de 500 m de extensão, o space bowl com o formato de um gigantesco funil onde o visitante tem a nítida sensação de estar em um twister de emoção e lógico a imensa piscina de ondas que é o palco de várias produções de novelas e mini series da TV.
28
Boulevard Olímpico Parque Madureira
Rua Parque Madureira, s/n  - Madureira
Rio de Janeiro, RJ   21351-140
Outros bairros da Zona Norte,
Zona Norte 27;
http://www.boulevard-olimpico.com
No Boulevard Olímpico do Parque Madureira é um live site dos Jogos Olímpicos, onde a população pode curtir os Jogos Rio 2016 com muitos shows, atividades esportivas e culturais, além de acompanhar a transmissão oficial dos jogos por meio de um telão, instalado em cima do palco.
29
Estádio João Havelange (Engenhão)
Rua Arquias Cordeiro, 1.100  - Engenho de Dentro
Rio de Janeiro, RJ  
Outros bairros da Zona Norte,
Zona Norte 28;
http://www.rio.rj.gov.br/rio2016/instalac_esport_joao_havelange.htm
Designado popularmente por ‘Engenhão’ devido a localizar-se no bairro de Engenho de Dentro, na zona norte do Rio de Janeiro, homenageia João Havelange, ex-Presidente da FIFA. <br> O novíssimo estádio, considerado o mais moderno da América Latina, ocupa uma área de 200 mil metros quadrados, em 117 mil de área construída, possui 45 mil lugares sentados Prevê-se completar a arquibancada superior, aumentando a capacidade do estádio para 60 mil lugares. O gramado do estádio tem dimensões de 105 x 68 m. <br> O Engenhão também possui espaço para 1.020 convidados e a sua tribuna de honra tem capacidade para 135 pessoas. Existem 78 camarotes particulares, 16 cabines de rádio e 4 de televisão. <br> Todas as rampas para entrada dos torcedores tem inclinação adequada para locomoção de deficientes, são largas o suficiente para a passagem de viaturas e ambulâncias e permitem evacuação total do público em 10 minutos. Além das rampas, 11 elevadores completam as vias de acesso para todos os pontos do estádio. Fonte: ttp://mundobotafogo.blogspot.com
30
Parque Lage
R. Jardim Botânico, 414  - Jardim Botanico
Rio de Janeiro, RJ  
Jardim Botânico,
Zona Sul 29;
http://www.rio.rj.gov.br/fpj/pqlage.htm
O Parque Lage constitui a última arbórea contínua, entre as faldas do Corcovado e a rua Jardim Botânico. <br> Projetado inicialmente pelo paisagista inglês John Tyndale em 1840 ao gosto dos jardins românticos, foi parcialmente reformulado, nas décadas de 1920-30 e 1930-40, principalmente o trecho à direita, quando seu proprietário, o industrial Henrique Lage, mandou edificar nova residência, em substituição à que fora de seu pai, Antônio Martins Lage.
31
Sítio Roberto Burle Marx
*Estrada Burle Marx, 2019  - Barra de Guaratiba
Rio de Janeiro, RJ   23020-240
Barra de Guaratiba,
Zona Oeste 30;
http://www.ceramicanorio.com/
O Sítio do famoso paisagista abriga cerca de 3500 espécimes de plantas originárias de florestas brasileiras e de outros países, numa área de 360.000 metros quadrados. A coleção é considerada uma das mais importantes do mundo no que se refere a plantas tropicais e semi-tropicais, possuindo o título de patrimônio cultural brasileiro desde 1985. Cursos e encontros são regularmente promovidos e estudantes universitários são orientados por professores de Biologia/Botânica. Fazem parte do Conselho Consultivo do Sítio muitos dos melhores botânicos e paisagistas brasileiros que ajudam a instituição com os seus conhecimentos. O Sítio não é aberto ao público para passeios livres. É obrigatória a prévia marcação da visita que se realiza orientada por monitores.
32
Floresta da Tijuca
Alto da Boa Vista  - Tijuca
Rio de Janeiro, RJ  
Tijuca,
Zona Norte 31;
http://www.rio.rj.gov.br/riotur/pt/atracao/?CodAtr=1516
Localizada no coração da cidade, a poucos minutos da maior parte dos bairros do Rio, a maior floresta urbana do mundo, com cerca de 3.200 hectares, tem a grande vantagem de mesclar centenas de espécies da fauna e da flora só encontradas na Mata Atlântica. <br>A Floresta da Tijuca foi reflorestada no século XIX após anos de desmatamento intenso e plantio, principalmente de café. O reflorestamento foi uma iniciativa pioneira em toda a América Latina. <br>A Floresta da Tijuca possui recantos e atrativos históricos que merecem ser visitados, como: a Cascatinha, a Capela Mayrink, o Mirante Excelsior, o Barracão, a Gruta Paulo e Virgínia, o Lago das Fadas, a Vista Chinesa e o Açude da Solidão, pontos freqüentados por famílias inteiras nos fins de semana.
33
Feira de São Cristóvão
Campo de São Cristóvão s/nº  - São Cristóvão
Rio de Janeiro, RJ  
São Cristovão,
Zona Norte 32;
http://www.rio.rj.gov.br/riotur/pt/atracao/?CodAtr=3904
Tudo começou em 1945, quando os caminhões pau-de-arara, vindos de vários estados do Nordeste, chegavam ao Campo de São Cristóvão trazendo retirantes nordestinos para trabalhar na construção civil, onde já tinham vaga garantida. <br> O encontro dos recém-chegados com parentes e outros conterrâneos era animado com música e comida nordestinas, dando origem à Feira de São Cristóvão. Durante 58 anos, a tradicional Feira permaneceu no Campo de São Cristóvão, debaixo das árvores. Em 2003, as barracas foram transferidas para dentro do antigo Pavilhão, que foi reformado pela Prefeitura do Rio e transformado no Centro Municipal Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas. Hoje, a Feira de São Cristóvão tem boa infra-estrutura de limpeza e segurança, com banheiros públicos e estacionamento. São cerca de 700 barracas fixas, que oferecem as várias modalidades da cultura nordestina: culinária, artesanato, trios e bandas de forró, dança, cantores e poetas populares, repente e literatura de cordel.
34
Paço Imperial
Praça 15 de novembro, 48  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20010-010
2001* CEP Centro,
Centro 33;
 
http://www.pacoimperial.com.br
O Paço Imperial é um Centro Cultural com rica programação artística, localizado na Praça XV de Novembro, no centro histórico da cidade, no prédio considerado o mais importante dos edifícios civis coloniais do Brasil. Foi primeiro a residência dos governadores da Capitania do Rio de Janeiro e depois passou a ser a casa de despachos, sucessivamente, do Vice-Rei do Brasil, do Rei de Portugal Dom João VI e dos imperadores do Brasil. Em sua restauração, na reconstituição da fachada, optou-se pela feição colonial, adquirida particularmente no período da ocupação pela Família Real Portuguesa, mas foram preservadas marcas e formas de vários outros momentos históricos. O Paço Imperial conta com uma diversificada programação de artes plásticas, cinema, teatro, música, biblioteca, atividades educativas, seminários, serviços de lojas e restaurantes. Percorrê-lo é fazer uma releitura do tempo inscrito em seus espaços, relacionando-os com épocas e fatos ocorridos. As exposições permanentes também são um ótimo programa cultural.
35
Fazendinha Estação Natureza
Estrada dos Bandeirantes, 26645  - Vargem Grande
Rio de Janeiro, RJ  
Vargem Grande e Pequena,
Zona Oeste 34;
 
http://www.estacaonatureza.com.br/
Nasceu de uma idéia no ano de 1994, de duas irmãs que tinham como objetivo principal proporcionar à criança urbana um contato com a vida rural, resgatando, de uma maneira lúdica, a infância perdida de quem vive nos grandes centros. Animais de porte pequeno e médio, bem próximos de se habitat natural, fazem a alegria da criançada. A Fazendinha recebe até visita de índios de verdade. Jogos e pinturas são ingredientes importantes do passeio. Programa imperdível.
36
Laser Shots
Av. das Américas, 3255  - Barra da Tijuca
Rio de Janeiro, RJ  
Barra da Tijuca,
Zona Oeste 35;
 
http://www.lasershotsbarrario.com.br/
Um game real, futurista, como aquele que todo mundo adora jogar em vídeo-game e computadores. <br> O ano 3016 - com nível de poluição da atmosfera atingindo níveis insuportáveis. Um projeto à base de oxigênio é criado para eliminar poluentes e restaurar a qualidade do ar. Entretanto, o cientista chefe introduz um vírus no computador que irá gerenciar a despoluição. <br> O objetivo do jogo é eliminar o vírus, e assim salvar a população da terra. Para isto, com um incrível emissor de raios laser em mãos, você deverá desativar inimigos, defender seu território e evitar ser atingido, procurando acumular um número cada vez maior de pontos.
37
Casas Casadas
Rua das Laranjeiras, 307  - Laranjeiras
Rio de Janeiro, RJ  
Laranjeiras,
Zona Sul 36;
http://www.rio.rj.gov.br/culturas/arte_casas.shtm
Patrimônio tombado, é uma das construções do século XIX mais representativas e originais da cidade, um exemplar único de residência multifamiliar, análogo aos edifícios residenciais atuais. Em uma edificação anexa às Casas Casadas está instalado o Espaço Carioca, com café, bar, livraria, loja de CDs e um pequeno palco para lançamentos musicais, de DVDs e de livros.
38
Escola de Belas Artes
Av. Ipê, 550 7º andar  - Cidade Universitária
Rio de Janeiro, RJ   21941-590
Ilha do Governador,
Zona Norte 37;
http://www.eba.ufrj.br/
O Decreto de 12/08/1816 criando a Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios implantou no Brasil a educação artística em caráter oficial. Em 05/11/1826 configurou-se a instalação definitiva da Academia Imperial das Belas Artes - como ficou conhecida a Escola Real - instituindo-se um sistema de ensino artístico que iria moldar de forma singular o desenvolvimento da arte brasileira. A partir de 08/11/1890, a antiga Academia Imperial foi transformada na Escola Nacional de Belas Antes. Em 1965 passou a se chamar <strong>Escola de Belas Artes</strong> incorporando-se a Universidade Federal do Rio de Janeiro.
39
Observatório Nacional
Rua Gal. José Cristino, 77  - São Cristóvão
Rio de Janeiro, RJ   20921-400.
São Cristovão,
Zona Norte 38;
http://www.on.br/
O Observatório Nacional foi criado oficialmente por D. Pedro I em 15 de outubro de 1827. Entre suas finalidades estava a orientação e estudos geográficos do território brasileiro e de ensino da navegação. Entretanto, segundo o Padre Serafim Leite, em 1730, os jesuítas instalaram um observatório no Morro do Castelo, na cidade do Rio de Janeiro.<br> O Observatório Nacional, atualmente, tem a missão de realizar pesquisa e desenvolvimento em Astronomia, Geofísica e Metrologia em Tempo e Freqüência, formar pesquisadores em seus cursos de pós-graduação, capacitar profissionais, coordenar projetos e atividades nacionais nestas áreas e gerar, manter e disseminar a Hora Legal Brasileira. <br> O site dedica dois links para o público infantil de conteúdo lúdico muito interessantes: <br> Brincando com a Ciência - Jogos Interativos, Quebra Cabeças Terra, Astronomia e Galáxias.<br> O Pequeno Cientista - Jogos com direito a impressão, Experiências, Curiosidades e o Vamos Colorir. <br> Bem produzida a revista eletrônica Café Orbital, destinada a adolescentes e futuros cientistas!
40
Forte de Copacabana
Praça Coronel Eugênio Franco, 01  - Copacabana
Rio de Janeiro, RJ  
Copacabana,
Zona Sul 39;
 
http://www.rio.rj.gov.br/riotur/pt/atracao/?CodAtr=3901
Construído em 1914, com o objetivo de reforçar a defesa da Baía de Guanabara, o Forte de Copacabana oferece aos seus visitantes muitas curiosidades e atrações. No Museu Histórico do Exército, fatos marcantes estão registrados através de exposições, exibições de vídeo, maquetes e, até, um setor interativo, original e bastante visitado pelos freqüentadores do Forte. Tudo com direito a uma vista panorâmica de um dos pontos mais belos de toda a nossa Costa. Crédito: acervo riotur.
41
Centro Cultural Waly Salomão
 - Vigário Geral
Rio de Janeiro, RJ  
Outros bairros da Zona Norte,
Zona Norte 40;
 
http://www.afroreggae.org.br/atuacao-gcar/centro-cultural-waly-salomao/
Missão - Promover a inclusão e a justiça social, utilizando a arte, a cultura afro-brasileira e a educação como ferramentas para a criação de pontes que unam as diferenças e sirvam como alicerces para a sustentabilidade e o exercício da cidadania.<br> Visão - O Grupo Cultural AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam a auto-estima de jovens das camadas populares.
42
Orquestra Filarmônica do Rio de Janeiro
Rua das Marrecas, 25 sala 1001  - Centro
Rio de Janeiro, RJ   20013-120
2001* CEP Centro,
Centro 41;
 
http://www.filarmonica-rio.com.br/
Fundada em 1978 pelo Maestro Florentino Dias, a Orquestra Filarmônica do Rio de Janeiro é reconhecida como de utilidade pública, sem fins lucrativos, e está cadastrada no Ministério da Cultura, o que permite aos seus patrocinadores e doadores beneficiarem-se com deduções no Imposto de Renda através da Lei Rouanet, além do retorno institucional ao afinarem-se com a harmonia e o belo.<br> Desde sua criação vem realizando várias séries de concertos, como: concertos "Classe A", no Teatro Municipal, Sala Cecília Meireles, Golden Room, Garden Hall e outros locais. Como foi criada nos moldes das grandes orquestras européias e norte-americanas, não tem vínculo com o Governo. Sua administração compõe-se de uma Diretoria, uma quadro de Patronesses e Patronos, e um Conselho Deliberativo do qual fazem parte pessoas da mais alta expressão cultural da nossa sociedade, e compõe-se de 70 músicos profissionais.
43
Espaço Cultural Toca do Vinicius
Rua Vinicius de Moraes, 129 C  - Ipanema
Rio de Janeiro, RJ  
Ipanema,
Zona Sul 42;
http://www.tocadovinicius.com.br/
A Toca do Vinícius é um espaço cultural localizado em Ipanema criado em homenagem ao poeta e compositor Vinicius de Moraes, que reúne o melhor da música brasileira, especialmente a Bossa Nova, Samba e Choro. Também conhecido como Templo da Bossa Nova, o local possui um espaço cultural dedicado à realização de eventos, onde acontecem palestras e exibição de vídeos. Na Toca também se encontra o Museu da Bossa Nova, que agrega tudo o que há de mais valioso do gênero musical. O visitante pode ainda assistir, uma vez por mês, shows públicos que acontecem na “Calçada da Fama” de Ipanema. <br> Carlos Alberto Afonso, ex-professor de literatura, é o responsável por este agradável patrimônio da música brasileira, que há mais de 15 anos encanta todos os admiradores da Bossa Nova. Autor do livro ABC de Vinicius de Moraes, lançado em 1991, Carlos, fala em entrevista ao Blog, como nasceu sua admiração por Vinícius e sobre a importância de homenagear grandes compositores que marcaram geração. Veja a seguir a entrevista com o proprietário da Toca. <br> Junto com o horário de verão a Toca do Vinicius reinicia seu ciclo de palestras com shows de música. Só que, a partir deste ano, os eventos acontecerão na calçada, na porta da Toca, garantindo a participação popular. <br> Fonte: http://banheiradovinicius.blogspot.com/2009/06/vinicius-de-moraes-em-ipanema.html